Brightcove, o YouTube que quer fazer dinheiro

A aquisição do YouTube ano passado pelo Google trouxe à tona uma pergunta: como fazer dinheiro com o YouTube? A Google já começou a colocar anúncios na página do Youtube, mas será que isso é eficiente para essa nova mídia?

Digo isso pois o YouTube permite que você crie um link entre seu site e o vídeo e com isso o usuário não chega na página do YouTube e portanto não vê o anúncio. Apresento o Brightcove.

Descobri meio que por acaso esse site, que tem um modelo de negócios diferente. Ele é um portal de TV web para que empresas possam ter seu canal na internet. Seu modelo de faturamento inclui a venda de vídeos da AOL (recebendo parte do faturamento), anúncios antes de um determinado filme (isso seria interessante para o YouTube por exemplo) e parcerias com grandes empresas para gerenciamento do seu conteúdo de vídeo.
Grandes canais de TV como CBS e Discovery já possuem seu canal virtual. Até o brasileiríssimo Furacão 2000 tem um!

video.png
Entre as features mais bacanas do site estão o layout dos vídeos, que tem até um menu à la Mac (ver imagem), a possibilidade de contar historias através de seqüências de vídeos ou mesmo escrever a história ao lado do vídeo com destaque.
Dois pontos negativos eu tenho que destacar. O primeiro é que a banda de internet não é tão larga assim, e com isso às vezes fica meio lento o download do vídeo (nada que não possa ser melhorado).

O segundo ponto, mais crítico, tem a ver com a forma como eles desenvolveram o player de vídeo em Flash. O uso de processador para tocar o vídeo é alto e dependendo do seu processador pode dar umas travadinhas na voz e na imagem. Isso afeta a qualidade da interação com o usuário. Algo que deve ser seriamente revisto.

Leia mais sobre eles em:

http://blog.brightcove.com/

2 opiniões sobre “Brightcove, o YouTube que quer fazer dinheiro”

  1. O Brightcove me parece um You tube de luxo, muito bom, permite a customização do player de vídeo. Eu já uso no meu site http://www.agitodanight.com/video e indico. Melhor que outros populares que existem por aí, os 2 pontos negativos são esses aí mesmos destacados pela matéria, e a forma de upload e administração dos vídeos que é todo em flash. Quem não tem um bom processador sente uma pequena dificuldade mesmo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *